Agronegócio

Indea prorroga vacinação contra febre aftosa até 10 de dezembro

Atrasos na distribuição e a falta de vacina em alguns municípios provocaram a prorrogação

Publicados

Agronegócio

O Indea prorrogou o período de vacinação contra febre aftosa até o dia 10 de dezembro, mantendo para a mesma data o prazo para comunicação. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) aprovou a dilação do prazo. Nas propriedades localizadas no baixo pantanal mato-grossense a etapa vai até o dia 15 de dezembro.

A venda de vacinas contra febre aftosa para estabelecimentos rurais de Mato Grosso atingiu um total de 15.699.641 doses em 29 de novembro. Os dados são referentes às notas fiscais inseridas no sistema informatizado do Indea, sem considerar as vacinas compradas em outros estados.

O estoque de 4.195.075 de doses seria suficiente para a conclusão da etapa, porém, atrasos na distribuição e a falta de vacina em alguns municípios provocaram a prorrogação. Os 10 dias a mais serão suficientes para as lojas veterinárias e produtores rurais concluírem a imunização do maior rebanho do Brasil.

Nesta etapa, são vacinados bovinos e bubalinos até dois anos de idade. Desde 2005, as etapas têm alcançado índices de vacinação superiores a 99%.

Leia Também:  FAB envia equipe para investigar queda de avião que matou duas pessoas em Primavera

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Agronegócio

Governo faz chamamento público para fomento da bacia leiteira em Mato Grosso

Associações e cooperativas poderão se inscrever; sessão ocorre no dia 21 de fevereiro

Publicados

em

O governador Mauro Mendes e o secretário de Estado de Agricultura Familiar, Silvano Amaral, anunciaram a publicação de um edital de chamamento público para fomentar a bacia leiteira em Mato Grosso, com distribuição de novilhas, embriões e sêmen sexados. O investimento será na ordem de R$ 17,9 milhões.

O documento foi publicado no Diário Oficial desta quinta-feira (20.01). Poderão participar associações e cooperativas da cadeia produtiva do leite no estado.

“Junto com essas cooperativas e associações, vamos distribuir mil novilhas prenhas, da raça Girolando, de alta qualidade, e com isso vamos dar uma grande contribuição para a melhoria da qualidade da produção de leite em Mato Grosso. E além disso, vamos entregar também 2 mil embriões sexados e 20 mil sêmen, também sexado”, relatou o governador.

O secretário Silvano Amaral explicou que essa é mais uma ação do programa Mais MT para incentivar e melhorar as diversas cadeias produtivas no estado, especialmente das famílias que vivem da pequena agricultura e pecuária.

“As associações e cooperativas têm até o dia 21 de fevereiro para apresentar as suas propostas na Secretaria”, disse.

Leia Também:  CANARANA- TCE emite parecer favorável à aprovação das contas do prefeito Fabio Faria

O edital

Os interessados em participar do chamamento deverão ter condições financeiras para aportar uma contrapartida de 100% dos investimentos feitos pelo Governo do Estado.

A abertura da sessão pública ocorrerá no dia 21 de fevereiro, às 9h, na sala de reunião principal da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (SEAF).

O edital completo pode ser consultado no site www.agriculturafamiliar.mt.gov.br, bem como na sede da SEAF, na Superintendência da Agricultura Familiar, no período das 08h30 às 17h horas, ou solicitado pelo e-mail: [email protected]/[email protected]

Todas as publicações referentes ao chamamento público serão divulgadas no Diário Oficial do Estado de Mato Grosso: https://www.iomat.mt.gov.br/

Eventuais dúvidas, esclarecimentos ou impugnações podem ser tratadas nos e-mails [email protected]/[email protected] ou pelo telefone (65) 3613- 6224.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

PAU E PROSA

POLICIAL

CIDADES

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA