BARRA DO GARÇAS

Brasil

Após carreata da esquerda, direita protesta contra Bolsonaro

Publicados

Brasil

Embora estivessem em lados opostos durante o impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), esquerda e direita agora pedem a saída do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Os grupos defendem o mesmo, mas seguem separados, pelo menos na hora de protestar. Depois da carreata de ontem da Frente Brasil Popular e da Frente Povo Sem Medo —que apoiaram a petista em 2016—, hoje é a vez de o MBL (Movimento Brasil Livre) e de o Vem Pra Rua organizarem suas manifestações.

O formato de protesto em carreatas foi escolhido para reduzir o risco de contágio da covid-19. Segundo o MBL, o grupo preferiu protestar no domingo porque o movimento é forte em São Paulo, com muitos comerciantes que trabalham sábado e preferem protestar aos domingos.

Em São Paulo, a concentração foi em frente ao estádio do Pacaembu, na zona oeste. O protesto também ocorre em outras cidades.

No Rio, o ato começou por volta das 10h30, na avenida as Américas e, às 10h, em frente ao Monumento Zumbi dos Palmares, no centro: os carros foram até a Praça da Bandeira antes de fazerem o caminho de volta.

Leia Também:  Brasil - Câmara Aprova Eleições Adiada

Em Belo Horizonte, o ato foi marcado na Praça do Papa às 15h. Mais cedo, Poços de Caldas também protestou.

Em Cuiabá, a manifestação começou às 9h próximo à UFMT (Universidade Federal de Mato Grosso). No mesmo horário, os carros saíram da avenida da Doca de Souza Franco, em Belém (PA).

No interior paulista, o ato foi convocado em São José dos Campos, no Parque Vicentina Aranha, a partir das 10h30.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Brasil

Alunos de Medicina da UFRJ levantam toalha de Lula na formatura

Ex-presidente compartilhou foto dos estudantes em seu perfil do Twitter

Publicados

em

No último domingo, 31, uma turma de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) viralizou nas redes após uma foto de formatura diferenciada. Além das tradicionais fotos de beca com o Pão de Açúcar no fundo, os estudantes levaram uma toalha estampada com o rosto de Lula (PT) para compor o cenário. “Os próximos médicos da UFRJ estão com Lula”, escreveu um dos formandos em um post. A imagem chegou até o petista, que a compartilhou em seu perfil do Twitter. “Parabéns aos formandos. Desejo uma boa carreira melhorando nossa saúde pública. Um abraço”, disse o ex-presidente.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Todos os que morrerem a partir de maio têm o endereço de quem os matou: o Planalto’, diz Vecina
Continue lendo

PAU E PROSA

POLICIAL

CIDADES

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA