Cidades

Prefeitura inicia cadastramento socioeconômico dos moradores do bairro Vila Maria para Regularização Fundiária

O cadastramento terá início na próxima segunda-feira (09), na Escola Padre Sebastião Teixeira

Publicados

Cidades

A Prefeitura de Barra do Garças, por meio da Secretaria de Planejamento, dará início ao cadastramento socioeconômico dos moradores do bairro Vila Maria para fins de regularização fundiária urbana, a partir desta segunda-feira (09). O cadastramento será realizado no próprio bairro, sem a necessidade dos moradores irem até o prédio da Prefeitura.

Os cidadãos devem procurar a equipe de Regularização Fundiária que estará nas dependências da Escola Padre Sebastião de Teixeira Carvalho, localizada na rua Raimundo Pereira Brito. O cadastramento será realizado dos dias 09 a 13 e 16 a 20 de Maio, das 18h às 21h.

Os moradores deverão apresentar toda a documentação necessária, sendo ela: RG, CPF, comprovante de estado civil (Certidão de Nascimento, Certidão de Casamento, Certidão de Óbito do Cônjuge, Certidão de Separação ou Divórcio ou Declaração de união estável reconhecida em Cartório), comprovante de residência (conta de água, luz ou telefone), comprovante de renda, contratos de compra e venda e carnê do IPTU.

Nesta primeira etapa mais de 500 propriedades deverão ser cadastradas, baseado no decreto nº 4.661 de 18 de junho de 2021, de Regularização Fundiária Urbana de Interesse Social do bairro Vila Maria.

Leia Também:  Dois homens de invadem igreja e deixa sete pessoas baleadas em Cáceres na divisa com a Bolívia

O programa visa garantir o direito à moradia da população, sobretudo de baixa renda, garantindo o direito à moradia daqueles que residem em loteamentos informais situados em áreas urbanas.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Cidades

Passagem de ônibus passa a custar R$ 6 em Barra do Garças (MT)

A empresa Garçastur solicitou reajuste. O valor atual é de R$ 4,75 no município.

Publicados

em

A Prefeitura de Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá, autorizou o reajuste da tarifa do transporte público para R$ 6, a partir deste sábado (14). O valor atual é R$ 4,75.

A empresa Garçastur, que administra o transporte, pediu um reajuste para R$ 7, valor quase 50% maior que o atual praticado. No entanto, o município definiu o aumento para R$ 6.

Segundo a prefeitura, o reajuste visa abrandar os impactos econômicos e sociais em decorrência da suspensão desses serviços durante a pandemia da Covid-19.

A empresa apresentou balanço financeiro e afirmou que seria insustentável manter os serviços com o atual valor, tendo em vista a crise econômica que afeta todo o país, e os aumentos recentes no valor do combustível, especialmente no valor do diesel.

A nova tarifa de R$ 6 passa a valer a partir desta sábado (14), e os benefícios para transporte de idosos e estudantes não serão prejudicados, os quais foram garantidos por decisão judicial, após ingresso de ação por parte da administração pública.

A nova tarifa de R$ 6 passa a valer a partir desta sábado (14), e os benefícios para transporte de idosos e estudantes não serão prejudicados, os quais foram garantidos por decisão judicial, após ingresso de ação por parte da administração pública.

Leia Também:  “PAPA DEFUNTO” Prefeito processa suposto sócio de funerária por crime contra a honra, denunciação caluniosa e fake news

O município também deu início aos trâmites legais para abertura de nova licitação, para que uma nova empresa possa iniciar os serviços de transporte público em breve, tendo em vista que não há exclusividade da atual concessionária.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

PAU E PROSA

POLICIAL

CIDADES

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA