Entretenimento

É O AMOR- Prefeito idoso em MT se licencia para se casar em resort de luxo no caribe

Cerimônia de casamento de Roberto Dorner, de 73 anos, e Scheila Pedroso, acontecerá neste sábado

Publicados

Entretenimento

O prefeito de Sinop (MT) Roberto Dorner (Republicanos), de 73 anos, se licenciou do cargo para se casar em um resort de luxo em Punta Cana, na República Dominicana, no Caribe. A cerimônia acontecerá neste sábado (20).

Até esta terça-feira (23), o vice-prefeito Dalton Martini (Patriota) ficará temporariamente na função. A noiva, Scheila Pedroso da Silva, é secretária de Assistência Social, Trabalho e Habitação de Sinop e arquiteta

O afastamento foi concedido pela Câmara Municipal. A ausência do gestor, entre os dias 17 e 23, não será remunerada.

Nesta sexta-feira (19), Scheila postou nas redes sociais vídeos e fotos do local onde será realizada a cerimônia.

As imagens mostram o quarto do resort de luxo com vista para o mar. As diárias no resort custam entre R$ 1,6 mil e R$ 4,7 mil.

No convite para a cerimônia, os noivos pedem que os convidados compareçam na festa com roupas leves e sem calçados.

A cerimonialista do casamento também publicou fotos com os noivos na chegada deles no hotel. Ela informou que o casamento já era para ter acontecido há dois anos, mas precisou ser adiado por causa da pandemia da Covid-19.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Inflação no Brasil é a quinta maior da América Latina
Propaganda

Entretenimento

Na Justiça, esposa flagrada pede que ex-morador de rua pare de falar dela: “Não vou mais me calar”

Sandra Fernandes disse em entrevista que não traiu o marido, teve um surto psicótico

Publicados

em

Sandra Mara Fernandes, a mulher flagrada fazendo sexo com o morador de rua Givaldo Alves em Planaltina, deu sua primeira entrevista nesta quinta-feira ao SBT Brasília e disse que entrou na Justiça para impedir que o ex-mendigo pare de falar dela.

Ele me expôs e eu não aceito mais que ele abra a boca pra falar de mim, eu não aceito que ele acabe com a minha moral e eu tenho o direito de ser preservada. Eu não vou mais me calar”, disse.

Ela voltou a dizer que foi diagnosticada com transtorno afetivo bipolar e que no dia teve um surto psicótico e pensou que o mendigo fosse seu marido, o personal trainer Eduardo Alves. “Eu não trai o meu marido, eu não escolhi passar por um surto”, afirmou.

Sandra aproveitou para também tomar a defesa do marido, que acabou exposto nas redes sociais. Não acreditei que taxaram meu marido como corno nessa situação, que não entenderam o lado dele e por que ele me defendeu tanto, que seria mais fácil pra ele me abandonar. Que mundo é esse que a gente vive em que abandonar a esposa doente, comprovadamente, é mais fácil? Por que não aceitam que foi uma doença?, disse.

Leia Também:  Pílula para soltar pum com cheiro de rosas já é comercializada

Por fim, Sandra disse que o dias que passou internada na ala psiquiátrica foram os piores dias de sua vida, “Eu não queria ver o que estavam falando sobre mim. Doeu muito, eu perdi noites de sono, mesmo tomando remédio. Antes de a Sandra ser aquela mulher que teve relação com o morador de rua, eu sou mãe, eu sou esposa, eu sou um ser humano que merece respeito.”

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

PAU E PROSA

POLICIAL

CIDADES

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA