Meio Ambiente

Cachoeira Véu de Noiva seca por causa de estiagem severa em MT

Vídeo compartilhado nas redes sociais mostra a queda d”água de 86 metros completamente seca

Publicados

Meio Ambiente

Um vídeo compartilhado nas redes sociais e aplicativos de celulares neste sábado (28), mostra a Cachoeira Véu de Noiva, principal cartão postal da pacata e turística Chapada dos Guimarães (67 km de Cuiabá), completamente seca.

Na imagem não é possível visualizar qualquer vestígio de água saindo da queda d’água de 86 metros de altura, localizada no Parque Nacional de Chapada dos Guimarães.

A gravação não traz qualquer áudio da pessoa que fez a filmagem, mas mostra a gravidade da seca que assola Mato Grosso nesse ano e tem modificado cenários e pontos turísticos mato-grossenses conhecidos no Brasil e no mundo.

A Cachoeira Véu de Noiva sempre foi conhecida por sua imponência e beleza exuberante, resultado da longa queda d’água rodeada por paredões e muito verde no seu entorno. Um destino obrigatório para quem visita Chapada dos Guimarães.

Por ora, fica a dúvida se o curso d’água que dava vazão à cachoeira no meio dos paredões voltará a ser como antes, após o término do período de estiagem e retomada das chuvas.  

Outro exemplo da estiagem severa em Mato Grosso é o Rio Paraguai, em Cáceres (225 km de Cuiabá) que também enfrenta uma situação atípica, chegando a registrar apenas 35 centímetros no nível de água. Inclusive, as cidades de Chapada dos Guimarães e Cáceres já decretaram situação de emergência por causa da seca, oriunda do longo período de estiagem.

Leia Também:  Sema entrega equipamentos de proteção individual a servidores

Além disso, queimadas continuam sendo registradas com frequência nessas localidades, principalmente nas imediações da rodovia Estadual MT-251, conhecida como Estrada de Chapada e também no pantanal mato-grossense, atingindo cidades que são cortadas pela Rodovia Transpantaneira

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Meio Ambiente

Fim de semana será de pancadas de chuva em todo Estado

Publicados

em

O fim de semana será de pancadas de chuva isoladas em todo o estado. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) aponta para dias de calor menos severo, isso para os padrões cuiabanos. Pela primeira vez em semanas não há alerta de temporais para as regiões do estado.

O calor promete ser mais ameno nesse fim de semana. A previsão do tempo mostra céu encoberto com pancadas de chuva nos próximos dias. Sexta-feira (22) os termômetros marcam entre 28°C e 38°C. Já no sábado (23) as temperaturas variam de 26°C a 36°C. O domingo (24) será mais fresco. A mínima fica em 26°C a máxima não passa dos 32°C.

Em Chapada dos Guimarães (67 km ao Norte), o clima segue semelhante ao da Capital. As mínimas ficam entre 20°C e 23°C. Já as máximas vão de 33°C a 38°C. Pode chover todos os dias.

Cáceres (225 km a Oeste) terá dias mais quentes que Cuiabá. Na cidade, as mínimas vão de 21°C a 25°C. Já as máximas variam de 34°C a 41C. O céu fica com muitas nuvens carregadas e pode chover isoladamente todos os dias.

Leia Também:  Governo emprega maior recurso dos últimos 10 anos para prevenir e combater queimadas em MT

A previsão do tempo para Sinop (500 km ao Norte) é de pancadas de chuvas durante todo o fim de semana. O clima segue quente, com mínima girando em torno de 23°C e máximas também com pouca variação, de 34°C a 36°C.

Rondonópolis (215 km ao Sul) tem mínimas de 21°C a 24C. Já as máximas vão de 32°C a 3°C.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

PAU E PROSA

POLICIAL

CIDADES

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA