Policial

Polícia apreende em Aragarças 200 kg de droga avaliada em R$ 200 mil – veja o vídeo

Abordagem ao motorista de um veículo Chevrolet Corsa em atitude suspeita levou a apreensão da droga.

Publicados

Policial

Cerca de 200 kg de maconha foram apreendidos na noite de terça-feira (23), na cidade de Aragarças (GO). A apreensão foi realizada por uma equipe do Batalhão de Choque da Polícia Militar do estado de Goiás.

De acordo com a polícia, a equipe realizava patrulhamento no município, quando suspeitaram da atitude do motorista de um veículo Chevrolet Celta de cor prata.

Ao procederem abordagem e revista veicular, os policiais encontraram parte da droga escondida no veículo.

Em continuidade à ação policial, a equipe do Batalhão de Choque realizou diligências na cidade, localizando o restante do entorpecente escondido embaixo de um colchão em uma residência na cidade.

Segundo a polícia, foram aproximadamente 200 kg apreendidos, o equivalente a R$ 200 mil reais

O suspeito foi encaminhado juntamente com a droga para a Delegacia da Polícia Civil do município.

A PM não informou a identificação do suspeito, nem a origem e o destino da droga.

http://rededanoticia.com.br/wp-content/uploads/2021/11/Maconha-Aragarcas.mp4?_=1

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Polícia Civil cumpre 46 ordens judiciais contra traficantes na Capital
Propaganda

Policial

Em 48h, 2º DJ é executado em Sinop; filha de 10 anos leva tiro na boca

Vítima estava chegando em casa com a filha e a esposa quando foi surpreendida pelos atiradores

Publicados

em

m dois dias, segundo DJ é executado em Sinop ( a 500 de Cuiabá). Renê Souza, de 30 anos, foi assassinado no final da noite desta quinta (25) quando chegava na casa dele, na rua João Pedro Moreira de Carvalho, no bairro Menino Jesus I.  A filha, de 10 anos, que estava sendo levada pela vítima, foi atingida por um disparo na boca.

Segundo informações da Polícia Militar, o crime foi registrado por volta das 23h30. O Corpo de Bombeiros foi acionado mas apenas constatou que o DJ estava morto. Já a filha socorrida por familiares até o Hospital Regional.

Renê era DJ e tinha um comércio no bairro. Ele estava chegando em casa com a filha e a esposa quando foi surpreendido pelos atiradores. A perícia criminal constatou que ele foi atingido com pelo menos sete tiros no braço, perna, costas e cabeça.

DJ Renê é o segundo músico assassinado em menos de uma semana. Na madrugada de quarta (24), dois homens, usando capuz, mataram DJ André Master em uma tabacaria no Jardim Violetas. A vítima e uma mulher foram atingidos pelos disparos. A mulher foi socorrida com um disparo na nádega e continua internada. A Polícia Civil investiga o crime.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  MPF instaura procedimento para investigar possível conflito agrário em Santa Terezinha (MT)
Continue lendo

PAU E PROSA

POLICIAL

CIDADES

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA