Política

Reunião entre Mauro e Bezerra sela apoio do MDB a Neri ao senado

Publicados

Política

Uma reunião que acontece na manhã desta segunda-feira 18.10, no Palácio Paiaguás, entre o governador Mauro Mendes (União Brasil), O presidente estadual do MDB, deputado federal Carlos Bezerra e o deputado Neri Geller (PP), praticamente sela o apoio do MDB a Neri Para concorrer a vaga de Senador da República nas eleições de 2022.

Na reunião, também participa o senador Carlos Fávaro (PSD).

De olho na cadeira de federal, os emedebistas sonha que com a inda de Neri ao senado, abra uma possibilidade do partido também eleger um novo federal, fortalecendo ainda mais a legenda no estado.

As informações também dão conta de que o MDB quer indicar o vice na chapa que terá Mauro ao governo nas eleições do próximo ano.

Na briga pelo apoio de Mauro para uma construção de uma possível candidatura ao senado, está o senador Weligton Fagundes (PL), que tem a nora deputada Janaína Riva no MDB, que também articula nos bastidores o apoio do cacique Carlos Bezerra e da bancada federal nas eleições do sogro.

Leia Também:  Maluf é lançado ao Senado por deputados, 45 prefeitos e vices

Com a possiblidade do apoio do governador ao projeto de Neri, Weligton pode se distanciar de Mauro e abrir um diálogo com o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), numa eventual candidatura de oposição nas eleições estaduais.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Política

Jayme Campos elogia governo pelo lançamento do Novo Marco de Garantias

Publicados

em

O senador Jayme Campos (DEM-MT) participou nesta quinta-feira (25.11), no Palácio do Planalto, do lançamento do “Novo Marco de Garantias: Crédito Simples e Barato”. A medida busca proporcionar crédito com menores taxas de juros. Para Jayme Campos, o governo federal acertou, já que o programa democratiza o acesso à garantia de financiamentos.

“Nestes tempos difíceis de crise econômica e sanitária, essa ação do governo, de permitir que os brasileiros tenham acesso a crédito mais barato se torna um grande alívio, na medida em que beneficia os que querem empreender, investir, realizar a compra da casa própria, ou até evitar juros mais altos nos financiamentos. O governo acertou e estamos prontos para trabalhar essa pauta no Congresso Nacional”, destacou.

Com juros baixos e acesso facilitado ao crédito, Jayme acredita que o Novo Marco de Garantias poderá trazer para a economia mais emprego e renda. “Haverá maior movimentação em diversos setores da economia como da construção civil e, com isso, o aquecimento do setor imobiliário, caindo o desemprego e, consequentemente, aumentando a renda do brasileiro”, afirmou.

Leia Também:  PRF apreende 300 quilos de cloridrato e pasta base de cocaína na BR-070, em Barra do Garças

Durante o lançamento, o secretário de Política Econômica do Ministério da Economia, Adolfo Sachsida, destacou que o trabalhador, o empresário ou o empreendedor passarão a ter o direito de usar o valor já pago de um mesmo imóvel como garantia de mais de uma operação de financiamento. “Hoje, você vai em um banco com uma casa de R$ 1 milhão e pega R$ 100 mil emprestado, a casa toda fica para o banco. Está errado”, criticou.

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, avaliou que o Novo Marco de Garantias terá papel fundamental na recuperação econômica, atuando como “grande alavancador”. Ele destacou ainda que a medida melhora o perfil da dívida pública, uma vez que permite maior número de operações com prazos mais longos e taxas mais baixas, quando comparado ao crédito sem garantia.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

PAU E PROSA

POLICIAL

CIDADES

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA