a

Saúde

Médica alerta sobre câncer e HPV causados por uso de Narguilé

Publicados

Saúde

A oncologista clínica Karla Nakata informou, em entrevista ao Repórter MT , que estudos associam o uso de narguilé ao desenvolvimento de câncer.
 
"Existe a falsa ideia de que por ser passado pela água, o narguilé não seria tóxico. Ao contrário, a incidência de substâncias tóxicas na fumaça é muito maior do que no cigarro. Compartilhar o mesmo equipamento também favorece o risco de contaminação pelo HPV".
 
"Existe a falsa ideia de que por ser passado pela água, o narguilé não seria tóxico. Ao contrário, a incidência de substâncias tóxicas na fumaça é muito maior do que no cigarro. Compartilhar o mesmo equipamento também favorece o risco de contaminação pelo HPV".
Segundo a Organização Mundial da Saúde, uma sessão de narguilé de cerca hora equivale ao consumo de 100 cigarros.

A oncologista também falou sobre o câncer de mama, o que mais acomete o público feminino.

"Mulheres que tiveram filhos mais tarde, que não tiveram filhos e que não amamentaram têm mais riscos de terem câncer de mama". Uma dúvida muito comum, comenta a médica, é quanto a prótese de silicone. "O uso de prótese de silicone não atrapalha a realização da mamografia, que por sua vez, não oferece risco, por compactar a mama, de provocar o rompimento da prótese".

Leia Também:  Barra do Garças atinge 149 casos com metade de curados do Covid

Assunto polêmico, Karla alertou sobre a reposição hormonal e a importância do acompanhamento médico rigoroso

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Saúde

Em uma semana, MT registra 9.396 casos de infecção por Covid-19

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 60 internações em UTIs e 81 em enfermarias públicas.

Publicados

em

Em uma semana, de segunda-feira (20) a domingo (26), Mato Grosso registrou 9.396 casos de infecção pelo coronavírus.

Nas últimas 24 horas, a taxa de internação em UTI Covid no Estado ficou em 70,79%.

Em enfermarias públicas, a taxa subiu de 16% para 17%, conforme o Painel Epidemiológico da Secretaria de Saúde.

 

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 60 internações em UTIs públicas e 81 em enfermarias públicas.

Nas últimas 24 horas, foram notificados mais 267 novos casos de Covid-19 em Mato Grosso.

Também nas últimas 24 horas, foram registradas mais duas mortes causadas pela doença.

Até agora, no total, foram registradas 14.979 mortes em decorrência do coronavírus.

A Secretaria de Estado de Saúde notificou, até a tarde deste domingo (26), 757.442 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso.

Dentre os dez municípios com maior número de casos estão: Cuiabá (135.443), Várzea Grande (53.569), Rondonópolis (44.283), Sinop (34.297), Tangará da Serra (24.341), Sorriso (23.277), Lucas do Rio Verde (23.318), Primavera do Leste (22.633), Cáceres (17.366) e Alta Floresta (16.999).

Leia Também:  Barra do Garças atinge 149 casos com metade de curados do Covid

Dos 757.442 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 8.925 pessoas estão em isolamento domiciliar e 732.846 estão recuperadas.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

PAU E PROSA

POLICIAL

CIDADES

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA